A OBRA DO SENHOR NÃO PARA

Em 14/11/1982 é convidado o Pr. Sebastião Ferreira para ficar interino e dirigir o processo de sucessão pastoral. Ele havia sido seminarista em Transfiguração e ficou à frente dos trabalhos da igreja até 10/04/1983 quando deu posse ao Pr. Delphino Eugênio Vieira. O Pr. Sebastião Ferreira por outras duas vezes esteve com a igreja de forma interina: de 07/04 a 15/05/1991 e 08/02 à 20/11/1994.

Cabe lembrar que outros seminaristas serviram a Deus em Transfiguração: Pr. Jessé Vicente, Pr. Martinho Carlos da Conceição, Pr. Hilquias Fábio, Pr. Gilmar Cabral, Pr. João Batista Neto, Pr. Ricardo Vicentino, Pr. Hermínio Mendes, entre outros.

Pr. Delphino, nos anos que pastoreou a igreja (08/05/1983 à 26/12/1990), sempre demonstrou firmeza na Palavra de Deus e conduziu o rebanho do Senhor com muita dedicação e humildade. Teve ao seu lado, auxiliando na música, sua filha irmã Denize Vieira. Sua esposa, irmã Hezir, despertou vocações para o trabalho infantil.

Com a chegada do Pr. Daniel Martins Eiras e sua família, um novo tempo começou. É iniciado o Deptº de Integração da Família e o Projeto Esperança como marcas do seu ministério: o cuidado das famílias e das crianças necessitadas da comunidade.

No seu ministério, teve o auxílio valoroso do Pr. Flávio Aurélio da Silva Brim (16/02 a 05/08/1992).

Promoveu campanha para “alargar as tendas” e a igreja adquiriu um dos imóveis ao lado do templo (frente). Ficou pouco tempo (15/05/1991 à 08/01/1994), pois tinha chamada missionária pulsando no coração, mas marcou profundamente a igreja com sua vida.

Continua no próximo domingo…

A Deus toda a honra e glória!

Os comentários estão fechados.